quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Um Cara Que Caiu do Céu (e não conhecia a vida)

No final de julho recebi um convite do Charlles Lucena para fazer uma ilustração que aparecerá nos extras da hq "Um Cara que Caiu do Céu (e não conhecia a vida)" Claro, que aceitei na hora. 
O briefing que o Charlles me passou, além da arte ser em PB, foi: "É só retratar a tua visão sobre um alienígena (com aparência humana) descobrindo algum aspecto, sentimento ou emoção da vida humana". Na hora, lembrei do filme "Sob a Pele" (Under the Skin), com a atriz Scarlett Johansson. Quem ainda não assistiu, fica aqui minha sugestão!
Primeiramente, pensei em retratar o medo, porém, para minha ideia, teria que usar muitos elementos gráficos. Preferi tentar alguma coisa mais "limpa" e subjetiva. Fazendo com que cada leitor/observador interpretasse a ilustração de acordo com seu repertório de vida. Resolvi trabalhar com o amor e logo surgiu a ideia de fazer o alienígena olhando para um coração que está segurando em uma das mãos.E como fazer um alienígena com aparência humano? Que elemento poderia utilizar para fazer essa ligação? Listei algumas palavras que me faziam pensar em alien; verde, olhos grandes, espaçonave e espaço. Com isso, a composição foi ficando mais clara em minha cabeça. Fiz alguns estudos rápidos para ver se era funcional e ajustar o que fosse necessário.


Estudos iniciais

Desenhei o personagem nú representando a pureza e a inocência do ser humano. Em sua mão esquerda (o mesmo lado que fica o coração) tem um coração bem icônico, Ao fundo, temos o espaço com os sete planetas do nosso sistema solar. A disposição dos planetas foi feita pensando em auxiliar no sentido de leitura. O alien está no lugar do planeta Terra e o espaço deixando seu corpo, faz ligação com essa ideia de um alienígena com forma humana, fechando todo o conceito da ilustração.

Composição da arte

Bom, espero que tenham gostado da explicação de como esse conceito foi sendo construído, desde a sua ideia inicial até a sua conclusão. Também desejo, que de alguma forma, esse texto tenha ajudado alguém.

Ilustração colorida

Obrigado!

Nenhum comentário: